"Eu não sei se é por incompetência ou por má-fé, mas os erros que o doutor António Costa pronunciou ontem [quinta-feira] e nos últimos dias sobre os fundos são tantos, que é difícil saber por onde começar a corrigi-los", disse aos jornalistas Poiares Maduro, na Figueira da Foz, à margem da abertura de um espaço do cidadão.

"O doutor António Costa disse que Portugal está a executar pouco os fundos, está a desperdiçar fundos, ora acontece que simplesmente Portugal é o país da União Europeia, entre 28 Estados-membros, com melhor taxa de execução dos fundos de toda a União Europeia", assegurou Poiares Maduro.

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.