A Direção Nacional de Saúde Pública angolana, no seu boletim epidemiológico diário, informou que os cinco óbitos, todos doentes do sexo masculino, foram contabilizados em cinco províncias do país: Cunene, Lunda Sul, Malanje, Moxico e Namibe.

Angola, que vive há mais de um ano em situação de calamidade pública e que já regista a circulação comunitária de novas variantes do coronavírus SARS-CoV-2, totaliza, até à data, 42.646 casos da doença covid-19, 1.008 óbitos e 36.708 pessoas dadas como recuperadas.

O país contabiliza atualmente 4.930 casos ativos da doença, dos quais três são doentes em estado crítico, 12 em estado grave, 96 moderados, 32 ligeiros e os restantes são assintomáticos.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 4.202.179 mortos em todo o mundo, entre mais de 196,5 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente da agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil e Peru.

 

SCA (DYAS) // PDF

Lusa/Fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.