Num comunicado enviado à agência Lusa, o Comando de Badajoz da Guardia Civil revelou que a mulher foi detida, na madrugada de terça-feira, quando o veículo que conduzia foi mandado parar, numa operação policial de prevenção de tráfico de droga.

"A condutora, ao aperceber-se da presença dos agentes, desrespeitou os sinais para parar e fugiu", tendo sido "intercetada poucos quilómetros" mais à frente, pode ler-se no comunicado.

A mulher, residente em Lisboa, foi identificada e, perante a suspeita de que pudesse transportar alguma substância ilícita, a Guardia Civil realizou buscas aos seus pertences e ao veículo, no qual detetou, "nos assentos traseiros, um saco que ocultava um total de 8,4 quilos" de marijuana.

Segundo a polícia espanhola, no mercado ilícito, esta droga daria para 25.450 doses.

A portuguesa foi presente a um juiz de instrução criminal em Almendralejo e ficou em liberdade, a aguardar a marcação do julgamento, disse à Lusa fonte do Comando de Badajoz da Guardia Civil, que está a investigar agora a origem e o destino da droga apreendida.

RRL // ROC

Lusa/fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para que não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.