Segundo o diretor de Comunicação Institucional e Imprensa da Direção Geral do Serviço de Investigação Criminal (SIC) em Luanda, Manuel Halaiwa, a apreensão do valor (80.480 dólares, equivalente a 66.250 euros) ocorreu na altura do desembarque de passageiros.

"Depois da avaliação do perfil de risco do referido passageiro, foi submetido a rastreio e revista típica da bagagem deste cidadão, onde foram encontrados 30 telemóveis, dos quais 20 separados para tributação, medicamentos diversos e um total de 80.480 dólares", disse Manuel Halaiwa em declarações à rádio pública angolana, RNA.

O responsável informou que o detido foi presente, segunda-feira, na sessão de julgamento sumário, na 4ª sessão da sala dos crimes comuns do Tribunal Provincial de Luanda, onde foi condenado na pena de multa, à razão diária de 75 UCF's (Unidades de Correção Fiscal/88,00 kwanzas [0,1 cêntimos de euros]) e ao pagamento de taxa de justiça no valor de 60 mil kwanzas (75,2 euros).

Ainda como medida condenatória, o tribunal ordenou a reversão do valor apreendido a favor do Estado angolano, depositados pela Administração Geral Tributária, na conta à ordem do Banco Nacional de Angola.

 

NME // JH

Lusa/Fim