Frederico Gil distinguido com o ITF Commitment Award

Frederico Gil foi hoje premiado com o galardão ITF Commitment Award, atribuído pela federação internacional de ténis pelas suas 20 internacionalizações por Portugal na Taça Davis.

Gil, o único tenista português a ter atingido a final do Estoril Open (2010), é o sexto jogador português a receber a distinção, depois de João Cunha e Silva, Nuno Marques, Emanuel Couto, Leonardo Tavares e Rui Machado.

"Este prémio representa os anos todos em que estive na Davis e em que ajudei Portugal. Estou contente e orgulhoso, acho muito bonita esta distinção", disse o tenista de Sintra.

Aos 29 anos, e depois de umas temporadas atribuladas, Gil sonha ainda com a presença no Grupo Mundial, o patamar mais alto da Taça Davis, prometendo tudo fazer para voltar a integrar a seleção e ajudar Portugal nesse caminho.

O antigo número 62 mundial mostra uma motivação renovada, graças à sua paternidade recente, confessando querer trabalhar para entrar no 'top 50' mundial e não só.

"Eu e o Leonardo [Tavares] estamos a falar em jogar juntos, sermos sempre par no circuito mundial para sermos uma das melhores 20 duplas do 'ranking'", assumiu.

A cerimónia decorreu hoje no 'court' do Centro de Alto Rendimento do Jamor, em Oeiras, antes do início da terceira e última jornada da primeira eliminatória do Grupo II da zona euro-africana entre Portugal e Marrocos.

Portugal já assegurou o triunfo sobre Marrocos, depois de vencer os dois primeiros encontros de singulares, na sexta-feira, e o embate de pares, no sábado.

AMG // NF

Lusa/fim

De segunda a sábado,

consulte os especialistas em Motores, Atualidade, Entretenimento, Lifestyle, Tecnologia e Desporto.

Subscreva para receber no seu email, a dose diária recomendada de informação, sem contraindicações.