Às 15:10 (hora de Lisboa), o índice Dow Jones perdia 1,35% para 29.664,22 pontos e o Nasdaq descia 1,99% para 10.854,44 pontos.

O índice alargado S&P 500 baixava 1,63% para 3.696,25 pontos.

Esta descida é ainda justificada pelos analistas com a decisão da Reserva Federal norte-americana de subir, na quarta-feira, as taxas de juro em 75 pontos base, situando-as entre 3% e 3,25%, o nível mais alto dos últimos 14 anos.

O Banco de Inglaterra também subiu a sua taxa de juro na quinta-feira, para 2,25%, o nível mais elevado desde dezembro de 2008.

"Os bancos centrais parecem agora aceitar que uma recessão é o preço a pagar para controlar a inflação", considerou o analista da firma Oanda, Craig Erlam, citado pela Efe.

Entre as 30 empresas que integram o índice Dow Jones destacavam-se as quedas da Chevron (-4,53%), Boeing (-2,61%) e Caterpillar (-2,45%).

Nos outros mercados, o petróleo do Texas baixava para 79,26 dólares o barril e o rendimento das obrigações do Tesouro norte-americano a 10 anos subia para 3,71%.

EO // EA

Lusa/fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para que não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.