A pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor aponta que 34,5 por cento dos brasileiros maiores de 18 anos tem uma empresa ou estão envolvidos na abertura do seu próprio negócio, sem depender de salário ou de uma companhia pública ou privada.

Na sondagem indica-se que atrás dos brasileiros, neste tema, estão os chineses (26,7%), os norte-americanos (20%), os britânicos (17%), japoneses (10,5%), indianos (10,2%), sul-africanos (9,6%), russos (8,6%) e franceses (8,1%).

Entre 2004 e 2014, segundo a pesquisa, o Brasil deu um salto, passando dos 23% para os atuais 35% em número de empreendedores individuais, sendo que 70% dos que procuraram abrir um negócio próprio fizeram-no porque viram uma oportunidade e não por necessidade.

O estudo, que é feito desde 1999, foi levado a cabo pelas instituições de ensino superior London Business Scholl (Reino Unidos) e pela Babson College (Estados Unidos), e no Brasil pelo Serviço Brasileiro de Apoio a Pequenas e Médias Empresas (SEBRAE) e o Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP).

No caso brasileiro, segundo a investigação, metade dos novos empreendedores abriu o seu negócio pessoal nos últimos três anos.

CSR // APN

Lusa/fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.