Numa conferência de imprensa realizada numa unidade hoteleira de Lisboa, o técnico não escondeu a ambição de voltar a criar dissabores aos 'leões', depois de já ter imposto um empate (1-1) esta época para a I Liga, sendo que os famalicenses não perderam nos últimos cinco embates com o conjunto de Alvalade.

"É um momento decisivo, porque somos primeiros do grupo. Vai ser o primeiro jogo do Sporting e poderá ditar a nossa passagem à 'final four'. Está nas nossas mãos conseguir esse grande objetivo e depende de nós para conseguir marcar presença na 'final four'", afirmou, garantindo que a equipa está convicta da sua "valia" e consciente que do outro lado estará um adversário "com as mesmas pretensões" na competição.

Reconhecendo que o Famalicão "tem sido feliz" contra o Sporting graças à "competência" dos atletas, Ivo Vieira expressou o desejo de manter o "prenúncio de conseguir bons resultados com o Sporting" e desvalorizou o cenário de uma hipotética gestão da equipa por parte de Rúben Amorim, devido aos dois jogos para a Liga dos Campeões e I Liga em poucos dias.

"Quem nos dera estar a jogar sempre duas vezes por semana. É aliciante e muito bom quem passa por esse momento. O Sporting tem um plantel recheado de atletas e pode fazer essa gestão para estar nas frentes todas. É um privilégio que o Sporting tem", sublinhou.

Confrontado com o poderio do atual campeão nacional nas bolas paradas, uma 'arma' que tem sido utilizada pelos 'leões' para resolverem recentemente diversas partidas, o treinador do Famalicão não atribuiu especial significado a esse fator, lembrando apenas o estatuto de campeão do Sporting e que a equipa 'leonina' "é muito competente em todos os momentos".

"Se é um jogo decisivo, temos de pôr o momento como ele é, mas não vamos fazer deste jogo algo de vida ou morte. É garantido que se ganharmos, estamos na 'final four' e o jogo pode também trazer-nos um resultado que pode dar esperança. Depende de nós e do que fizermos", notou Ivo Vieira, aludindo à goleada por 5-0 conseguida na primeira jornada contra o Penafiel e que colocou a sua equipa em posição privilegiada para seguir em frente na prova.

Uma vitória no jogo desta terça-feira significa o apuramento imediato do Famalicão para a 'final four'. Já um empate deixa tudo em aberto para a derradeira jornada do grupo B, no qual apenas Sporting e Penafiel irão medir forças, com os famalicenses a ficarem à espera do desfecho desse desafio, beneficiando da confortável diferença de golos.

O jogo da segunda jornada da terceira fase da Taça da Liga entre Sporting e Famalicão, referente ao grupo B, está marcado para esta terça-feira, às 21:15, no Estádio José Alvalade, e vai ser arbitrado por Manuel Mota, da Associação de Futebol de Braga.

JYGO // AMG

Lusa/Fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.