Os quartos, com nove metros quadrados e outro tanto de jardim privativo, estão decorados consoante os seus nomes e têm ainda um sofá-cama, música ambiente para relaxar e uma câmara de vídeo, cujas gravações são disponibilizadas, em tempo real, por rede em qualquer aparelho, através de uma senha de acesso.

Foi esta a forma encontrada de oferecer o "conforto de um lar" aos animais que não estão habituados a estar num canil normal, explicou à Lusa Sara Curvelo, a diretora clínica hospital que abriu portas em junho deste ano e cuja inauguração oficial está marcada para hoje.

"A porta do quarto, sempre que o tempo permite, está aberta e os cães entram e saem quando querem", explicou a veterinária segundo a qual este "hotel de cinco estrelas" tem sido procurado por "uma panóplia muito vasta" de clientes.

Seja um animal de estimação grande ou pequeno, o que importa é que o dono "queira tratar bem o seu bicho, seja gato ou seja cão".

E se o quarto em regime VID (Very Important Dog) ou os jardins, privativos e não só, não forem suficientes para gastar toda a energia, estes hóspedes podem sempre esticar as quatro patas na piscina aquecida de 40 metros quadrados que, para além de destinada à reabilitação de animais, está também aberta ao lazer.

"Não é só para animais com problemas, é também um sítio para eles gastarem energia e para melhorarmos a qualidade de vida, que é esse o nosso objetivo", adiantou a responsável que quase diariamente se atira para a água, até para ajudar alguns cães a queimar calorias.

E porque cães e gatos nem sempre andam bem juntos, o hospital veterinário Mais Animais tem também salas independentes e consultórios exclusivos.

Aos animais podem ainda ser prestados outros serviços como inseminação artificial, acompanhamento ecográfico de gestação, imagiologia e cirurgia com recurso a laser, que, segundo Sara Curvelo, permite "menos dor na recuperação, hemorragia zero e toda uma série de facilidades na recuperação."

"Tentamos que não fosse só um hospital e procuramos o bem-estar associado a estas situações que não são agradáveis", sublinhou a diretora clínica.

LIL/BZR // JGJ

Lusa/Fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.