Segundo a mesma fonte, os dois trabalhadores "estavam a desmontar uma estrutura e caíram de uma altura de mais de 30 metros".

A ACT já mobilizou para o local uma equipa de inspetores para proceder às necessárias averiguações e apuramento das causas do acidente, segundo a fonte.

Contactada pela Lusa, fonte do Comando Sub-Regional de Emergência e Proteção Civil do Alentejo Litoral indicou que foi dado aos bombeiros, às 16:29, o alerta para uma queda de estruturas temporárias ou móveis.

Tratou-se "da queda de um andaime na fábrica da Respol Polímetros, com duas vítimas", disse o comando sub-regional, escusando-se a fornecer outros pormenores.

Para o local foram mobilizados 13 operacionais, apoiados por seis veículos, entre meios dos bombeiros, GNR e Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

RRL // MCL

Lusa/Fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para que não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.