Darwin, que já tinha sido distinguido como o melhor avançado do último mês, recebeu 16% dos votos dos treinadores da I Liga, batendo o extremo colombiano Luís Díaz (FC Porto), segundo com 11,70%, e o seu colega de equipa Rafa, que ficou em terceiro com 11,10%.

Apesar de estar a cumprir a segunda temporada no Benfica, o jogador de 22 anos conquistou pela primeira vez este troféu, sobretudo devido aos dois golos marcados frente ao Santa Clara (5-0), no Açores, e outro 'bis' alcançado na receção ao Boavista (3-1).

Além de Darwin, o Benfica, líder do campeonato, já tinha sido galardoado com o prémio de melhor treinador em setembro, que foi para Jorge Jesus, e com o prémio de melhor médio, entregue a João Mário.

Na baliza, Diogo Costa, do FC Porto, foi eleito o melhor guarda-redes nesse período e o espanhol Pedro Porro, do Sporting, o melhor defesa.

Na II Liga, o avançado brasileiro Heliardo, do Varzim, foi eleito o melhor jogador da prova durante o mês e Rui Ferreira, do Feirense, o melhor treinador.

LG // AJO

Lusa/fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.