Noite dura para o Corinthians. O novo empate (1-1, contra o Athletico Paranaense) significou, pelo menos, mais uma jornada na zona de descida. Além disso, na conferência de imprensa, António Oliveira anunciou que deixou de contar com Carlos Miguel, guarda-redes que está perto de rumar à Premier League.

«Carlos Miguel não joga mais no Corinthians. Já o disse e falei neste grupo. Só está aqui no clube quem quer e que o faz de forma apaixonada. Muitos que hoje estão nesta posição deviam perceber o sonho de muita gente de poder representar um dos maiores clubes», começou por afirmar.

Os rumores constantes da saída de Carlos Miguel - ao que tudo indica, para o Nottingham - têm desgastado António Oliveira: «Incomodou, incomoda e o Carlos Miguel não vai jogar mais pelo Corinthians. Comigo vão estar aqueles que querem estar no Corinthians. Quem não quiser estar, não vai fazer falta nenhuma.»

Com 11 jornadas disputadas no Brasileirão, o Corinthians ocupa a antepenúltima posição, com oito pontos. A única vitória surgiu no final de abril (3-0), contra o Fluminense, detentor da Libertadores e atual penúltimo classificado do campeonato brasileiro.