Numa nota enviada à agência Lusa, a Brisa explica que a A1 "encontra-se temporariamente cortada", estimando que a situação fique "resolvida no prazo de 03:30 [horas]".

"Há fila com cerca de três quilómetros", indica.

Em alternativa, a concessionária da autoestrada sugere: sair em Sacavém pelo IC2 e seguir pela N10 em direção a Alverca ou pelo túnel do Grilo, pela A8 entrando na CREL; os automobilistas também poderão sair em Santa Iria da Azóia, para N10 em direção a Alverca ou para a N115.5, por Vialonga em direção a Alverca.

Em declarações à Lusa, fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Lisboa explicou que o corte da via, naquela zona, se deve a "uma colisão entre cinco veículos".

De acordo com o CDOS, há três pessoas que ficaram feridas e que, pelas 20:15, estavam a ser avaliadas no local.

Às 20:24, segundo a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), encontravam-se 15 operacionais, apoiados por sete viaturas, no local.

O alerta para o acidente rodoviário foi dado às 19:14, informa a ANEPC.

JML//RBF

Lusa/Fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.