Este aumento sentiu-se, sobretudo, nos Estados do Michigan, Texas, Kentucky e Missouri.

Os economistas da Bloomberg estimavam que os novos pedidos de subsídio de desemprego ascendessem a 350.000.

Segundo a agência, a rápida propagação da variante Delta da covid-19 poderá levar a uma maior volatilidade nos pedidos de subsídio de desemprego nos próximos meses.

Por sua vez, os pedidos contínuos, considerando todos os programas estatais, cederam para 1,26 milhões na semana terminada em 03 de julho, devido ao fim da assistência ao desemprego, no âmbito da pandemia, e da compensação de emergência pelo desemprego em alguns Estados.

PE // JNM

Lusa/Fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.