A cantora pop também foi indicada nesta edição dos Brit, na categoria de Artista do Ano, na qual concorrem Taylor Swift, Olivia Rodrigo e Lana Del Rey.

Minogue, 55 anos, que também atuará durante a cerimónia, que se realiza no recinto O2 Arena da capital britânica, admitiu que está "encantada" pelo reconhecimento com esta honra.

"O Reino Unido sempre foi uma casa fora da minha casa para mim, os britânicos têm um lugar muito especial no meu coração", afirmou.

Minogue referiu que guarda "algumas fabulosas recordações destes prémios ao longo dos anos".

O Brit Ícone Global é o reconhecimento máximo que a organização entregue e que reserva "a artistas verdadeiramente excecionais".

Em 2021, Taylor Swift foi a primeira mulher a ganhar este reconhecimento de prestígio, juntando-se a artistas, como os britânicos Elton John, David Bowie e Robbie Williams.

Ao longo de sua extensa carreira, Minogue ganhou três prémios britânicos e vendeu mais de 80 milhões de álbuns em todo o mundo, e conseguiu colocar nove álbuns no 1.º lugar dos top britânicos e sete singles.

NL // MSF

Lusa/Fim

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para que não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.