Para além da família de SUV, bem como do best seller Ibiza, o Leon tem sido um dos principais pilares do crescimento da marca espanhola. Assume-se igualmente como um dos precursores do processo de eletrificação da gama, apostando agora em motorizações híbridas plug-in, disponíveis quer na carroçaria de hatchback de 5 portas, quer na mais versátil Sportstourer.

Debaixo do capot, o motor 1.4 TSI está associado a um motor elétrico, alimentado por sua vez por uma bateria de iões de lítio, desenvolvendo em conjunto uma potência de 204 cavalos e 350 Nm de binário. Com a bateria de 13 kWh, o Leon poderá percorrer até cerca de 64 quilómetros em modo puramente elétrico.

A propulsão elétrica pode ser utilizada até aos 140 km/h e graças à combinação de ambos os motores, o Leon e-HYBRID declara uma autonomia máxima de cerca de 800 quilómetros. Recorrendo a uma wallbox com potência de 3,6 kW, a bateria pode ser carregada em cerca de três horas e meia ou em menos de seis através de um carregador de 2,3 kW.