Elon Musk recorreu à sua conta oficial de Twitter para revelar que os superchagers vão estar disponíveis a outras marcas, mas será uma ação faseada.

A Tesla prepara-se para abrir os superchargers a outros carros elétricos, algo que deve acontecer, segundo Elon Musk, ainda em 2021. No entanto, este processo será realizado de forma faseada e, numa primeira fase, apenas vai acontecer nos Estados Unidos da América, Suécia, Alemanha e Noruega. Apesar de não serem conhecidos os dados técnicos ou alterações necessárias para que isto se torne realidade, não deverá ser algo demasiado complexo.

Musk recorreu à conta oficial de Twitter para confirmar exatamente este dado e, para além disso, explicou ainda que criou um carregador diferente dos utilizados pelas outras marcas porque na altura em que os desenvolvera, ainda não havia nenhum padrão de carregamento. O grande objetivo da Tesla passa por abrir toda a rede de suepercharges, que é como quem diz, mais de 2500 estações com mais de 25 mil postos de carregamento a nível mundial. Este número vai continuar a aumentar nos próximos anos.

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.