Volvo estabelece novo recorde com mais de meio milhão de carros vendidos

A Volvo anunciou, durante uma conferência de imprensa realizada em Estocolmo para divulgar os resultados financeiros do seu último ano fiscal, um novo recorde de vendas global: 571.577 unidades vendidas em todo o Mundo - que se traduz num crescimento de mais 7% em relação a 2016.

A Volvo anunciou, durante uma conferência de imprensa realizada em Estocolmo para divulgar os resultados financeiros do seu último ano fiscal, um novo recorde de vendas global: 571.577 unidades vendidas em todo o Mundo - que se traduz num crescimento de mais 7% em relação a 2016.

A Volvo revelou ainda que o seu lucro operacional cresceu 27,7%, passando de 11,0 bn coroas suecas (cerca de 1,12 mil milhões de euros) para 14,1 bn coroas suecas (cerca de 1,43 mil milhões de euros). O novo recorde mundial de unidades vendidas correspondeu também a um aumento de 16,6% na receita líquida que passou de 180,9 bn coroas suecas (cerca de 18,35 mil milhões de euros) para 210,9 bn coroas suecas (cerca de 21,39 mil milhões de euros). Também a margem de lucro operacional cresceu para 6,7% em 2017 (6,1% em 2016).

Estes resultados reforçam a transformação financeira e operacional que a Volvo Cars levou a cabo nos últimos anos e que têm vindo a preparar a empresa para uma próxima fase crescimento, como explicou Håkan Samuelsson,  Presidente e CEO da empresa.

"O nosso negócio mudou muito desde 2010 e estamos agora preparados para uma nova fase de crescimento global sustentado. Estamos a investir a todos os níveis e temos estratégias bem definidas em matérias de eletrificação, condução autónoma e conectividade", declarou o responsável.

Num ano em que comemorou 90 anos de história, a Volvo lançou novos modelos, desenvolveu novas parcerias em áreas-chave, revelou a sua estratégia de eletrificação global e lançou os novos XC60 e XC40, completando assim a sua gama de modelos SUV. O lançamento do novo XC40, realizado no final do ano, coincidiu também com o lançamento de um novo serviço de subscrição intitulado Care by Volvo - uma nova forma de acesso a um automóvel Volvo.

Em julho, a Volvo Cars anunciou que iria colocar a eletrificação no centro das suas operações futuras, tendo declarado que, a partir de 2019, cada novo modelo iria ter uma motorização elétrica. Este compromisso reforçado com a eletrificação englobou também a Polestar, uma nova marca independente pertencente ao Volvo Car Group e exclusivamente dedicada à componente elétrica.

Foi ainda anunciada uma colaboração com a Geely Holding com vista à criação de uma joint venture destinada a produzir economias de escala no setor tecnológico e a aquisição de 30% da marca automóvel LYNK & CO com a qual será partilhada a plataforma CMA - Compact Modular Architecture.

Em 2017, foi também assinado um acordo com a Uber que prevê a aquisição entre 2019 e 2021, de dezenas de milhar de automóveis com tecnologia de condução autónoma.

A Volvo anunciou também a abertura de uma nova fábrica nos Estados Unidos - esta nova unidade será responsável pela produção do novo S60 e pela nova geração XC90. O investimento nestas novas instalações ultrapassa os 1,1 mil milhões de dólares representando também a criação de cerca de 4 mil  novos postos de trabalho.

Os resultados financeiros da Volvo podem ser consultados em detalhe aqui: https://investors.volvocars.com/

De segunda a sábado,

consulte os especialistas em Desporto, Atualidade, Entretenimento, Tecnologia, Lifestyle e Motores.