Toyota deixa de vender carros Diesel na Europa já em 2019

A Toyota é a mais recente fabricante automóvel a juntar-se à lista das que vão deixar de vender carros Diesel.

A Toyota é a mais recente fabricante automóvel a juntar-se à lista das que vão deixar de vender carros Diesel.

O CEO da Toyota Europe, Johan van Zyl, confirmou durante o Salão de Genebra que a gigante nipónica deixará de vender até final deste ano veículos Diesel na Europa. As vendas deste tipo de automóveis, ainda de acordo com o responsável, representam menos de 10% das vendas totais da Toyota no continente europeu.

O novo hatchback Auris, por exemplo, que foi apresentado no certame só estará disponível nas variantes híbrido a gasolina.

Esta estratégia da marca japonesa não é contudo totalmente nova e repentina: nos últimos anos, a Toyota já tinha optado por restringir as opções Diesel da sua gama.

“Esta não é uma nova direção, mas sim a continuidade de um rumo. Também lançámos o Aygo e o C-HR sem motores Diesel e este novo passo confirma que o Diesel vai ser gradualmente descontinuado na nossa gama de passageiros. (...) Não iremos desenvolver novos motores Diesel, focando-nos no desenvolvimento de novos híbridos”, explicou Johan van Zyl.

No seu email. Sem contraindicações.

De segunda a sábado, consulte os especialistas em Desporto, Atualidade, Entretenimento, Tecnologia, Lifestyle e Motores.