Salão de Genebra 2018: O balanço final

Terminada a 88.ª edição do Salão de Genebra, a hora é de balanço. Que encerra uma pequena desilusão: apesar das muitas novidades e estreias mundiais, a exposição helvética deste ano contou com 'apenas' 660 mil visitantes - menos 4,5% em comparação com os números de 2017.

Terminada a 88.ª edição do Salão de Genebra, a hora é de balanço. Que encerra uma pequena desilusão: apesar das muitas novidades e estreias mundiais, a exposição helvética deste ano contou "apenas" com 660 mil visitantes - menos 4,5% em comparação com os números de 2017.

Apesar dos números mais baixos que a edição anterior, Maurice Turrettini, presidente do Salão, mostrou-se satisfeito com os resultados: "Tendo em conta a situação económica pouco atraente e da atmosfera mediática e política por vezes hostil em relação ao setor automóvel, o resultado acaba por ser muito satisfatório".

Para André Heft, diretor-geral, o resultado final acaba também por ser satisfatório: "Este ligeiro declínio [no número de visitantes] contribuiu para uma melhor qualidade da visita, uma circulação mais fluida pelos corredores do Salão, menos tempo de espera para aceder aos restaurantes e mais espaço para admirar as muitas novidades e estreias mundais".

A taxa de satisfação deste ano foi (mais uma vez) superior a 80% entre os 19 e 64 anos com quase 40% destes a expressarem o desejo de mudar de carro nos próximos 18 meses, segundo o inquérito realizado pela organização.

Com 10.680 profissionais acreditados (Imprensa, Web, TV e Rádio), o certame helvético contou com cerca de 330 mil visitantes estrangeiros (50% do total). Outro número a destacar: 30% dos visitantes tinham idade compreendida ente os 15 e os 29 anos.

A próxima edição do Salão de Genebra - a 89.ª - decorrerá entre os dias 7 e 17 de março de 2019.

De segunda a sábado,

consulte os especialistas em Motores, Atualidade, Entretenimento, Lifestyle, Tecnologia e Desporto.

Subscreva para receber no seu email, a dose diária recomendada de informação, sem contraindicações.