Definitivamente, os mais jovens têm de perceber que a experiência é um posto e que o seu entusiasmo pode ter efeitos terríveis.

Jovem encartado, falta de jeito e um Ford Mustang GT é uma receita para o quê? O desastre, claro! E como sucede com a maioria dos acidentes com carros desportivos ou espampanantes, tudo começa com a vaidade.

A vaidade de mostrar o carro e as suas capacidades e a vaidade sobre o talento do condutor. Na maior parte das vezes, o talento é mais escasso que o necessário e a consequência é a tragédia.

No caso deste jovem canadiano, comprou o Ford Mustang GT e três dias depois, quis fazer-se vedeta e cobriu-se de ridículo e uma valente conta no concessionário, já que a tentar fazer um “power slide” em piso molhado, o Ford virou-se a ele e acabaram os dois dentro de um riacho com o carro muito danificado.

Felizmente, para além do Mustang GT (sim o V8 de 5 litros e 460 CV), da conta bancária do jovem canadiano e do seu ego, mais ninguém sofreu danos.