Os melhores museus de automóveis do mundo

Os automóveis são uma paixão. Podemos gostar mais de um estilo que outro, ter preferência por uma época, geração, marca, no fundo, um infindável rol de preferências. Para alimentar este prazer, nada melhor que por vezes ir visitar um museu, que nos prenda com exemplares que, por vezes, de antemão já esperamos encontrar, mas, invariavelmente,

Os automóveis são uma paixão. Podemos gostar mais de um estilo que outro, ter preferência por uma época, geração, marca, no fundo, um infindável rol de preferências. Para alimentar este prazer, nada melhor que por vezes ir visitar um museu, que nos prenda com exemplares que, por vezes, de antemão já esperamos encontrar, mas, invariavelmente, nos delicia com surpresas e obras de arte de que nem sabíamos a existência. Nesse sentido, deixamos-lhe algumas sugestões de alguns dos museus a nível mundial. Conheça-as percorrendo a galeria em cima ou vendo os tópicos em baixo.

André Duarte

Fonte: CNN

Petersen Automotive Museum, Los Angeles, Califórnia: com cerca de 8.800 metros quadrados, o edifício do próprio museu é uma obra de arte, da autoria da Kohn Pedersen Fox, pelas suas linhas arrojadas e inovadoras, inspiradas na sensação de movimento dos carros em andamento. Nele podemos encontrar o Jaguar XKSS de 1956 de Steve McQueen e o Ferrari 308 GTS da série Magnum, P.I. Foi fundado em 1994;

Louwman Museum, The Hague, Holanda: contém uma das coleções privadas mais antigas. Nele é possível ver carros como o Aston Martin de James Bond e o Cadillac de Elvis. No total conta com 250 veículos;

Museo Storico Alfa Romeo, Arese, Itália: com seis andares, o museu é um percurso pela história da marca, em jeito de homenagem. Data de 1976;

Museo Pininfarina, Cambiano, Itália: Pininfarina é um nome que dispensa apresentações no mundo automóvel. Por isso uma visita a este ‘santuário’ é sempre um bom conselho;

Porsche Museum, Estugarda, Alemanha: há um pouco de tudo neste local de culto em que a Porsche despendeu cerca de 100 milhões de euros em 2009 para o pôr de pé. De carros de estrada ao espólio de carros com que obtiveram as vitórias em Le Mans, é um local de visita ‘obrigatório’;

Mercedes-Benz Museum, Estugarda, Alemanha: contém cerca de 160 modelos distribuídos por uma área de 178 mil metros quadrados;

Museo Enzo Ferrari, Modena, Itália: o berço de nascimento de Enzo Ferrari viu nascer um museu em sua homenagem em 2012. Nele é possível encontrar vários carros de estrada e competição, assim com vários bens que outrora pertenceram ao próprio Enzo;

BMW Museum, Munique, Alemanha: as instalações originais abriram em 1973. Hoje conta com carros, aviões, motos, motores, no fundo, todo um histórico dos mais de 100 anos da marca;

Mullin Automotive Museum, Oxnard, Califórnia: a exposição é uma montra de carro do período de Art Deco que fazem parte de Peter W. Mullin, homem de negócios e filantropo. O museu conta com um Bugatti Type 57C Atlantic de 1936 avaliado em cerca de 40 milhões de dólares. Está aberto ao público apenas duas vezes por mês;

Museo Lamborghini, Sant’Agata Bolognese, Itália: menor que os demais da lista, este é por isso um museu que permite um contacto mais intimista com os modelos da marca italiana;

De segunda a sábado,

consulte os especialistas em Motores, Atualidade, Entretenimento, Lifestyle, Tecnologia e Desporto.

Subscreva para receber no seu email, a dose diária recomendada de informação, sem contraindicações.