Revista de imprensa internacional

PT confirma: Lula vai ser mesmo o candidato presidencial do partido. Enel está a dar tudo por tudo para comprar Eletropaulo. BCE obriga banca a livrar-se de ativos tóxicos. H&M vai cortar dividendos.

PT confirma: Lula vai ser mesmo o candidato presidencial do partido. Enel está a dar tudo por tudo para comprar Eletropaulo. BCE obriga banca a livrar-se de ativos tóxicos. H&M vai cortar dividendos.

Lula da Silva vai mesmo ser o candidato do PT na corrida à presidência brasileira. Ainda no Brasil, a Enel está a dar tudo por tudo para conseguir comprar a maior elétrica desse país, a Eletropaulo. Do outro lado do oceano, o BCE está a obrigar os bancos a livrarem-se dos seus ativos tóxicos. Há ainda más notícias para os acionistas da H&M, que deverão receber menos dividendos já no próximo ano. No Canadá, um homem atropelou 25 pessoas, mas as autoridades não estão a considerar o atentado uma ameaça à segurança nacional.

Valor Econômico

Lula da Silva: “Fiquem à vontade para tomar qualquer decisão”

Lula da Silva, ex-Presidente do Brasil, que está detido em Curitiba, endereçou uma carta aos membros da direção do PT, deixando-os à vontade para qualquer decisão que queiram tomar. “Queria que ficassem totalmente à vontade para tomar qualquer decisão, porque 2018 é muito importante para o PT, para a esquerda, para a democracia e, para mim, eu quero a minha liberdade”. Na carta que foi lida pela presidente do PT, Gleisi Hoffmann, Lula diz-se ainda muito feliz com o resultado das sondagens que o mantêm na liderança da corrida presidencial. Logo após a leitura da carta, o PT reiterou em comunicado que Lula da Silva é o nome do partido para a eleição presidencial deste ano.

Leia a notícia completa em Valor Econômico (acesso pago/ conteúdo em português).

Expansión

Enel pode subir preço da OPA sobre a Eletropaulo

O presidente da Enel, Francesco Starace garante que o grupo italiano chegará até ao final na batalha com Iberdrola para comprar a maior elétrica brasileira, a Eletropaulo. Francesco Starace admite, em declarações ao Expansión, que está a estudar uma resposta à oferta lançada pela Iberdrola, na sexta-feira passada e que deverá passar pelo aumento do preço da operação, como afirma a imprensa brasileira. Atualmente a oferta da Iberdrola está nos 29,4 reais por ação, enquanto que a oferta da Enel se situa nos 28 reais. Mas a imprensa brasileira dá como certa a subida por parte dos italianos para os 31 reais por ação.

Leia a notícia completa no Expansión (acesso livre/ conteúdo em espanhol).

Cinco Dias

BCE obriga a banca a vender os seguros tóxicos

A pressão do Banco Central Europeu para que os bancos limpem dos seus balanços os ativos imobiliários está cada mais ativa. Mas estes não são os únicos ativos que estão debaixo da alçada do supervisor europeu. Os seguros de poupança são outro dos alvos, sobretudo os suscetíveis de estarem a prejudicar a rentabilidade e o balanço das seguradores. O mercado mundial da carteira de seguros improdutivos era de cerca de 600.000 milhões de euros, segundo um reporte recente da PwC.

Leia a notícia completa no Cinco Dias (acesso livre/ conteúdo em espanhol).

Bloomberg

H&M vai cortar dividendos pela primeira vez em 44 anos

A transferência para o universo digital não está a ser fácil para a H&M. A gigante sueca deverá, por isso, cortar os dividendos em 7,5% já no próximo ano, estimam 27 analistas. A concretizar-se, este recuo no pagamento feito aos acionistas será o primeiro registado em 44 anos. A empresa está a ter dificuldade em se adaptar ao mercado eletrónico, particularmente face à concorrência feroz que constituem marcas como a espanhola Zara e a norte-americana Amazon.

Leia a notícia completa na Bloomberg (acesso pago / conteúdo em inglês).

Reuters

Atropelamento em Toronto faz dez mortos e 15 feridos

Um condutor galgou um passeio em Toronto, no Canadá, atropelando várias pessoas. O atentado fez mortos e deixou 15 transeuntes feridos, alguns deles em estado crítico. O homem que conduzia uma carrinha branca alugada levou a cabo o ataque durante a hora de almoço e conseguiu percorrer 1,6 quilómetros antes de ser parado. As autoridades garantem que a segurança nacional não está ameaçada.

Leia a notícia completa na Reuters (acesso livre / conteúdo em inglês).

De segunda a sábado,

consulte os especialistas em Desporto, Atualidade, Entretenimento, Tecnologia, Lifestyle e Motores.