Hoje nas notícias: Contratos a prazo, CDS e aeroportos

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que marcam o dia.

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que marcam o dia.

Entre as manchetes desta quinta-feira destaque para a entrevista de Adolfo Mesquita Nunes, vice-presidente do CDS que, em entrevista ao Público, afasta o cenário de um “casamento entre o seu partido e o CDS. Os contratos a prazo também são notícia, estando em cima da mesa uma redução da sua duração, enquanto se sabe também que o plano para a segurança nos aeroportos está há seis meses na gaveta. Referência ainda para um artigo de opinião de António Guterres que fala de igualdade de género no “Dia da Mulher”.

Adolfo Mesquita Nunes afasta “casamento” entre CDS e PS

“A função do CDS não é casar-se com o PS”. A frase é de Adolfo Mesquita Nunes, vice-presidente do CDS. Nesta quinta-feira, em entrevista ao Público (acesso condicionado), à beira do congresso do CDS que se realiza no próximo fim de semana, diz ainda que o seu partido não tem “inveja de alguém que negoceie com o PS”. O também vereador da Covilhã admite sim discutir ideias com o PSD, preferindo contudo fazer para já uma apreciação de Rui Rio.

Segurança para os aeroportos na gaveta

O novo plano de segurança para os aeroportos está na gaveta há pelo menos seis meses. A notícia é avançada pelo Diário de Notícias (acesso pago), explicando que o projeto foi concluído em setembro passado por uma comissão coordenada pela Autoridade Nacional de Segurança da Aviação Civil (ANSAC), mas ainda não foi aprovado em Conselho de Ministros. Fonte oficial da Autoridade Nacional de Segurança da Aviação Civil avançou ao jornal que este “será brevemente submetido para processo legislativo”.

Governo negoceia redução da duração dos contratos a prazo

O Governo já iniciou conversas informais com os parceiros sociais sobre a melhor forma de reduzir a precariedade, tendo colocado em cima da mesa os cenários de redução do tempo máximo dos contratos a prazo (atualmente de três anos) e a limitação das situações que podem justificar o seu uso. A notícia é avançada, nesta quinta-feira, pelo Jornal de Negócios (acesso pago) que cita informação avançada pela Comissão Europeia, no mais recente relatório onde faz uma avaliação da governação em áreas consideradas críticas.

PS incita Governo a agir sobre o futebol

A recente polémica em torno do futebol levou o PS a pedir ao Governo para atuar nesse âmbito. O Público (acesso condicionado) noticia nesta quinta-feira que Ana Catarina Mendes, secretária-geral adjunta do PS, considera que “chegou o momento de também o Governo dizer aos dirigentes desportivos que chega deste espetáculo”. O jornal cita as declarações da responsável do PS que foram proferidas no programa Xeque-Mate da TVI24 de quarta-feira.

António Guterres fala de igualdade de género

Num dia em que várias manchetes dos jornais nacionais se dedicam ao “Dia Internacional da Mulher” e ao tema da igualdade de género, destaque para um artigo de opinião a este propósito de António Guterres ao Público (acesso condicionado). “Quero ser claro: isto não é um favor às mulheres: a igualdade de género não é uma questão de direitos humanos”, salienta o secretário-geral da ONU, salientando que “estamos num momento crucial para os direitos das mulheres”.

No seu email. Sem contraindicações.

De segunda a sábado, consulte os especialistas em Desporto, Atualidade, Entretenimento, Tecnologia, Lifestyle e Motores.