A balança parece estar mais inclinada para a Prodrive, mas Sébastien Loeb está também em conversações com a Toyota para a possibilidade de disputar o Dakar 2021 com a marca nipónica. Os planos o francês no Dakar serão tornados públicos nas próximas semanas.

Depois de ter primado pela ausência no Dakar deste ano, o primeiro que foi disputado no Médio Oriente, o francês está a fazer tudo para regressar em 2021, e Toyota e Prodrive são as opções que estão em cima da mesa: “Não quero dizer muito, mas sim, tenho boas opções. Nas próximas semanas, poderei falar mais sobre os meus planos”.

Fala-se na Toyota, algo lógico e que poderia colmatar o impacto mediático já conseguido com a presença de Fernando Alonso na equipa, mas não só, pois o acordo nos ralis, com a Hyundai termina no fim do ano, e daqui para a frente é sempre possível ver Loeb novamente a fazer uma ou outra prova do WRC. Sinceramente não acreditamos que a prova da Turquia, apesar de ter terminado no pódio, tenha sido a última no WRC de Loeb e um acordo com a Toyota para o Dakar pode ser extensivo a mais uma ou outra prova no WRC.

Por outro lado há a Prodrive. O preparador está a construir um BRX, um buggy com motorização V6 de 3.500 cc turbo (gasolina) com cerca de 400 cv. O propulsor é de origem Ford, o carro tem chassis tubular em aço, carroçaria em fibra de carbono e pesa cerca de 1.850 kg. Os testes podem começar a qualquer momento e como não há Rali de Marrocos talvez Portalegre seja um boa possibilidade para testar o carro antes do Dakar.
O duplo vencedor do Dakar, Nani Roma, já foi anunciado na equipa. Da X-Raid, que tem para já o carro vencedor, nada se sabe.