SBK: Honda anuncia regresso oficial às Superbikes

Aposta forte do construtor nipónico

No que diz respeito à parte desportiva, está a ter muito movimento a atual edição do EICMA de Milão. Depois da BMW ter anunciado o seu regresso, em 2019, ao Mundial de Superbikes com uma equipa oficial, agora foi a Honda Racing Corporation a fazer o mesmo.

Depois de nos últimos largos anos ter colaborado com a holandesa Ten Kate Racing, parceria que nos últimos tempos não teve grande sucesso, a Honda decidiu ter um maior envolvimento no projecto, envolvimento esse que chega de forma oficial. Neste novo projecto da Honda no Mundial de Superbikes estará também envolvida a Althea Racing, que trabalhava com a BMW, e a Moriwaki.

Quanto a pilotos, Leon Camier transita da última época, mas agora terá ao seu lado o veterano japonês Ryuichi Kiyonari. O piloto de 36 anos regressa a uma competição onde esteve em representação da Honda entre 2008 e 2009. No seu currículo consta também uma passagem sem grande sucesso pelo MotoGP.

Tal como a BMW, o objetivo da Honda é colocar um ponto final no domínio da Kawasaki, marca que nos últimos anos tem dominado como quer o Mundial de Superbikes. Em pista estarão duas Fireblade CBR1000RR SP2.

De segunda a sábado,

consulte os especialistas em Motores, Atualidade, Entretenimento, Lifestyle, Tecnologia e Desporto.

Subscreva para receber no seu email, a dose diária recomendada de informação, sem contraindicações.