20 perguntas de resposta rápida foi o desafio que colocámos a Rita Vieira!

Data e local de nascimento?

“31/05/1994 no Porto.“

Na escola, eras uma aluna bem comportada?

“Sim era bem comportada mas muito faladora (risos).“

O teu passatempo preferido?

“Só um é difícil, mas passear, cinema e cozinhar talvez sejam os preferidos.”

Fora das motos, que outro desporto acompanhas como fã?

“Tudo um pouco, adoro desporto. Na verdade mais gosto mais de praticar do que de ver.“

Se não fosses piloto, qual o desporto que escolhias para fazer competição?

“Qualquer um que desse mais dinheiro (risos).“

Para ti, o mais importante na vida é…

“Ter saúde e ter as pessoas de quem gosto perto.“

Se um dia pudesses ser uma estrela mundial, quem escolhias ser?

“Nunca pensei nisso dessa forma. Tento sempre ser a melhor versão de mim.”

Qual foi a primeira prova da tua carreira?

“Campeonato Nacional de Trial em 2003.”

Qual o teu número preferido? Porquê?

“351, desde que comecei a competir no enduro foi o meu número, tinha que escolher entre o 350 e o 359, e escolhi o 351 principalmente por ser o indicativo de Portugal. Entretanto, fui obrigada a mudar e neste momento sou o 561.”

Ídolo a nível nacional?

“Rui Gonçalves.“

Piloto preferido a nível internacional?

“Laia Sanz.”

A prova que mais gostas?

“Extreme XL Lagares.“

A prova que menos gostas?

“Extreme XL Lagares. É uma relação amor-ódio!” (risos)

Como piloto, diz-nos um ponto forte e um ponto fraco teu?

“Um ponto forte é a técnica que adquiri do trial. Um ponto fraco, embora esteja a trabalhar nisso são os saltos grandes e por vezes a velocidade.”

Quem é (ou foi) a pessoa mais importante na tua carreira?

“A minha família e o RG foram e são as pessoas mais importantes na minha carreira. Felizmente tive o previlegio de ter pessoas fantásticas que me foram acompanhando, como o Diogo Graça Moura, Daniel Pinto (militar), Pedro Almeida, Pedro Quadrado, Dr. Eduardo Salgado, Francisco Enes, Carlos Sa, Bruno Praga, Rui Castro (tosta), Osvaldo Garcia, Bianchi Prata.. muitos patrocinadores… enfim todos eles e muitos mais são e foram super importantes em alguma fase da minha carreira e elas sabem quem são.”

Imagina que te era dada a hipótese de treinar um dia inteiro com qualquer piloto nacional ou mundial. Quem escolhias?

“Kiara Fontanesi, campeã do mundo de motocross”

Até hoje, qual foi a corrida da tua vida?

“Talvez os ISDE 2019 em Portugal, não pelo resultado mas pelas dificuldades que fui encontrando e “sozinha” ainda que com o apoio de toda a equipa consegui resolver. Entre mudanças de motor de arranque, empurrar a moto até não dar mais e mudar o radiador fiquei muito contente por conseguir chegar ao fim. Ser a primeira mulher a acabar a XL Lagares também me deixou muito feliz.”

Qual o jovem piloto que achas que pode vir a ser uma futura “estrela” da modalidade?

“Paulo Balas no Trial.”

Se te dessem a possibilidade de testar uma moto de um piloto de fábrica (da atualidade ou do passado), que moto escolhias?

“Escolhia a atual Yamaha 450 de Rally 😍”

Que corrida ou campeonato sonhas um dia ganhar?

“Dakar na classe feminina.”