O Águeda Action Club está a desenvolver todos os esforços para conseguir levar a cabo a realização do MXGP de Portugal. Isso mesmo foi confirmado hoje em nota enviada à imprensa.

Comunicado do ACTIB de 03/07/2020

Diante da impossibilidade de o Portugal MXGP regressar ao Crossódromo Internacional de Águeda na data inicialmente agendada, fruto da atual situação global relacionada com o Covid-19, oÁgueda Action Club – ACTIBencetou todas as diligências para o adiamento para 17 e 18 deoutubro.

Depois de uma extensa análise entre o clube organizador e o promotor internacional a todas as hipóteses, a propagação do coronavírus e os consequentes estados de emergência decretados em muitos dos países europeus, colocam um impasse no próprio calendário desportivo.

Posto isto, oÁgueda Action Club – ACTIBconfirma através deste comunicado, que irá acompanhar o desenvolvimento desta pandemia, de forma a que o cancelamento do Portugal MXGP 2020 não seja uma realidade.

O presidente do clube, Dr. José Brenha, comentou:“Obviamente lamentamos todo este impasse, no entanto não temos neste momento garantias da realização do evento e só podemos aguardar o desenvolvimento desta pandemia. Neste momento temos todos os trabalhos adiantados, a maioria dos patrocinadores confirmados e todo o apoio por parte do promotor. Toda e qualquer informação além desta, é mera especulação, não abonando a favor do evento”.

Independentemente do desfecho final, oÁgueda Action Club – ACTIBconfirma desde jáa inserção do Grande Prémio de Portugal no calendárioFIM – Motocross World Championship,até 2024.

OÁgueda Action Club – ACTIBlamenta todo o transtorno causado, prometendo apresentar desenvolvimentos tão breve quanto possível.

(Foto: Ray Archer/KTM)