MotoGP: Marc Márquez defende Jorge Lorenzo

Colegas da Honda em 2019

A partir do próximo ano, Marc Márquez e Jorge Lorenzo serão companheiros de equipa na formação oficial da Honda, numa autêntica equipa de sonho que a formação da asa dourada concebeu para este novo ciclo.

Dois pilotos que já tiveram as suas desavenças, mas nesta fase temos Marc Márquez a sair em defesa de Jorge Lorenzo, que está envolvido em mais um bate-boca com Andrea Dovizioso, seu atual colega na Ducati.

“Estamos a falar de um piloto que competiu em Assen, 24 horas depois de ter sido operado a uma clavícula. Penso que as pessoas que dizem que Lorenzo não tem competido porque não quer, não percebem nada sobre o que é ser atleta de alta competição. Competir com uma clavícula partida não é muito doloroso, mas o pulso está constantemente sujeito a um grande esforço. Se o Jorge não competiu é porque tomou a decisão de prevenir as fortes dores que teria”, referiu Marc Márquez à espanhola ‘Radio Marca’.

De segunda a sábado,

consulte os especialistas em Motores, Atualidade, Entretenimento, Lifestyle, Tecnologia e Desporto.

Subscreva para receber no seu email, a dose diária recomendada de informação, sem contraindicações.