Franco Morbidelli tem estado a falar das motivações por detrás do seu forte ataque ao título e a principal é, sem dúvida, Valentino Rossi

Com duas vitórias em corridas recentes e uma grande consistência na sua Yamaha, Frankie está a poucos pontos do líder do Campeonato, no entanto também foi afetado por azares como um motor partido em Jerez, depois quando fui vítima da colisão com Zarco na Áustria e ainda depois, derrubado por Aleix Espargaró na segunda corrida em São Marino.

Apesar destas três desistências, que não foram causados por erros seus, Morbidelli está só 25 atrás de John Mir no liderança do título, a três corridas do fim.

Numa entrevista ao órgão Italiano Corriere della sera, o piloto falou da situação corrente, da sua atitude mental em pista, e da esplêndida relação que tem com Valentino Rossi, que para Morbidelli, mais que um rival em pista, é um grande amigo e mentor:

“Agora estou a pensar no título, e acredito que posso consegui-lo!”- disse o Italiano filho de uma brasileira – “talvez devesse parar de pensar assim, como a situação é difícil, mas estou determinado, e essa determinação leva-me a não desistir…

Muito da minha inspiração vem de Valentino Rossi, que para mim é mais como um tio, é a pessoa que mais admiro. Quando o meu pai morreu, foi o pior evento da minha vida, estava perdido e o Valentino chamou-me em privado e disse-me “se precisares de mim estou aqui” esse momento ajudou-me e inspirou-me!”