“O Alex está a ter problemas a compreender os novos pneus”.

Alberto Puig, Manager da Honda, falou recentemente à MotoGP dos problemas de adaptação de Alex Márquez à RC211V na classe rainha, culpando em parte os pneus.

O Grande Prémio da República Checa terminou com Alex Márquez, da Honda Repsol, a marcar um ponto em 15º, o seu terceiro ponto consecutivo, e Stefan Bradl a terminar em 21º.

Foi um fim de semana difícil em Brno para a HRC e falando depois, o diretor da Equipa Honda, Alberto Puig, reviu a terceira corrida da temporada e fixou os seus objetivos para a próxima ronda, que se realiza este fim-de-semana na Áustria.

Qual era a estratégia para Brno?

“A estratégia era claramente diferente para ambos os pilotos. Para Alex, o fim de semana é um processo de aprendizagem e de tentativa de ser o mais consistente possível. Ele entendeu que a partir da última linha da grelha não seria fácil. Alex conseguiu terminar a corrida e conseguir um ponto, mas vai trabalhar para melhorar o seu ritmo nas próximas corridas.”

“O Stefan tentou muitas coisas durante o fim de semana, esteve muito ocupado. Foi muito difícil para ele perceber qual era a configuração perfeita para a corrida. Deu o seu melhor, mas, infelizmente, saiu para fora da pista e perdeu muito tempo sem conseguir lutar por um final melhor.”

Pontos positivos e pontos negativos após a corrida?

“Seria mentira dizer que há muitos positivos este fim de semana. Não podemos estar satisfeitos com os nossos resultados. Só temos de aceitar que é o que é e esperar por tempos melhores.”

A vista do muro das boxes durante a corrida?

“A vista não era grande coisa. Estar no muro das boxes durante uma corrida é uma situação completamente diferente quando se tem pilotos a lutar por posições de topo ou não. No final, somos uma equipa, somos profissionais e apoiamos os nossos pilotos onde quer que eles estejam. Quando não é uma posição perfeita para eles, olhamos cada segundo da volta e em todas as áreas para ajudá-los a melhorar. Às vezes as coisas não são como gostarias que fossem, mas tudo isto faz parte do jogo do motociclismo.”

A história por dentro para além de comentários oficiais?

“Vamos ter o Stefan connosco novamente esta semana na Áustria. O Red Bull Ring na Áustria é uma pista diferente. Esperamos que o Alex continue o seu crescimento, desenvolvendo-se como piloto e fazendo melhorias. Ele precisa entender melhor a moto e acima de tudo os pneus. Ele ainda está a ter alguns problemas em compreender os novos pneus, o que dificulta as coisas mais tarde. Com o Stefan veremos nos próximos dias se iremos testar novas peças ou que tipo de fim-de-semana vamos preparar do ponto de vista técnico.”