Mário Patrão vai este ano cumprir um sonho seu de há muito tempo: competir no Rally Dakar na categoria MalleMoto, ou seja, sem direito a qualquer tipo de assistência!

O mais fácil seria ficar em casa, “assistir” mas…”. É assim que começa o post que o piloto de Seia fez nas redes sociais.

“Em 2013 iniciei o meu percurso no Dakar, consegui evoluir, e alcancei um lugar numa das equipas mais desejadas no mundo, mas o meu sonho continuou a ser adiado… e continuei a querer MAIS.”

“Decidi que em 2021 irei participar no Rally Dakar na categoria ‘Original by Motul MalleMoto’.”

Abdico da equipa, do mecânico, da caravana, de todos os luxos e serei apenas eu com: 1 moto, 1 caixa de 80L com ferramentas, bens pessoais, 1 jogo de rodas completas, 1 par de pneus suplente, 1 tenda, 1 saco cama, para enfrentar os 7.650km que me esperam.”

“Pretendo após um ano de isolamento tão duro para todos nós transformar a minha participação numa janela de visibilidade para as empresas que me acompanham desde sempre, ganhando liberdade para outras se juntarem.”

“Este será o verdadeiro Dakar, ao alcance dos melhores, dos mais persistentes, perseverantes e dos sonhadores… porque ‘o homem é do tamanho dos seus sonhos’, convido-vos a acompanharem-me neste sonho…