O alargamento do estado de alerta devido ao risco de incêndio, forçou a Escuderia Castelo Branco a adiar na sexta-feira à noite a Baja TT do Pinhal que deveria ter-se realizado este fim de semana.

Atual 2.º classificado do CNTT e vencedor por três vezes desta prova, o piloto da KTM reconhece que a decisão acarreta alguns prejuízos, mas a prioridade é a defesa da vida humana.

Compreendemos a decisão. Se havia risco de Incêndio compreendemos que adiar a prova foi a decisão mais acertada. É claro que tal acarreta alguns prejuízos também para os pilotos, mas o mais importante é zelar pela segurança de todos. A ideia agora é que se reúnam as condições necessárias para que a prova se realize no próximo fim de semana” disse o piloto de Seia.

A Baja TT do Pinhal também pontuável para a Taça do Mundo de Bajas e Campeonato Europeu de Bajas ficou assim reagendada já para os dias 19 e 20 de setembro.

(Foto: Facebook Mário Patrão)