SBK: Ernesto Marinelli deixa Ducati após 22 anos

Italiano estava ligado à Ducati desde 1995

Líder do projecto da Ducati no Mundial de Superbikes, Ernesto Marinelli vai deixar a marca de Borgo Panigale após 22 anos de trabalho em conjunto, onde desempenhou diversos cargos e que resultaram na conquista de cinco títulos mundiais de pilotos e seis de equipas.

“Depois de 22 anos não é fácil virar a página e dizer adeus. A decisão torna-se ainda mais difícil, pois estamos a falar de uma empresa como a Ducati. Durante este tempo vivi inúmeros momentos inesquecíveis, mas também outros menos positivos. Agora é tempo de enfrentar novos desafios”, explicou Marinelli.

Contudo o transalpino não especificou que rumo dará à sua carreira. “No futuro decidi aceitar um novo desafio profissional, que me irá testar novamente embora com a consciência de que tudo o que deixo para trás terá um lugar importante nas minhas memórias e no meu coração”.

A Ducati não revelou ainda quem será o sucessor de Ernesto Marinelli.