Rali de Marrocos: Penalização trama Antoine Méo, Sam Sunderland novo líder

Excesso de velocidade em zona proibida comprometeu o gaulês

Não terminou da melhor forma o Prólogo inaugural do Rali de Marrocos para Antoine Méo. O piloto francês estabeleceu inicialmente o melhor tempo no final dos 12.16 quilómetros cronometrados, mas no final viu ser adicionada uma penalização de seis minutos, que comprometeu o seu esforço.

Tudo por excesso de velocidade numa zona delimitada do percurso, o que atirou Méo para o 59º lugar da classificação geral. Assim quem herdou a liderança foi o seu colega de equipa na KTM, Sam Sunderland, que é secundado por Matthias Walkner. Curiosamente os dois pilotos da KTM, que estreia nesta prova uma nova moto, rubricaram o mesmo tempo no final do Prólogo.

O atual campeão do mundo, Pablo Quintanilla, subiu a terceiro a 17s da frente da corrida. Quanto a Joaquim Rodrigues, Mário Patrão, Paulo Gonçalves e Hugo Lopes também beneficiaram com a penalização de Antoine Méo e subiram na classificação geral ocupando agora a 8ª, 11ª, 14ª e 45ª posições, respetivamente. De referir ainda que com este novo ordenamento da classificação geral menos de um minuto está a separar os 13 primeiros.