MotoGP: Família de Ángel Nieto quer reabertura da investigação do acidente

Ao invés do arquivamento anunciado no último mês

No passado mês de dezembro foi anunciado que a investigação sobre o acidente que vitimou Ángel Nieto foi arquivada. Porém e como é normal quem não ficou nada satisfeita com esta decisão foi a família do ’12+1′ vezes campeão do mundo, pois esta queria uma punição para a condutora alemã de 30 anos envolvida no incidente.

De acordo com a publicação espanhola ‘Marca’ a família de Nieto quer que o processo seja reaberto e para tal já colocou em acção um recurso. A família não aceita que entre as deliberações para o arquivamento do caso esteja o facto do campeoníssimo espanhol não ter, na altura do incidente, o capacete apertado, pois alega que a essa conclusão chegou-se sem provas objetivas. Para os familiares de Ángel tudo aconteceu por culpa da condutora alemã.

Recorde-se que Ángel Nieto faleceu aos 70 anos no dia 3 de agosto, em Ibiza, depois de ter não resistido aos graves ferimentos cerebrais contraídos após uma colisão com um automóvel enquanto estava aos comandos de um quadriciclo.