Moto2 – Miguel Oliveira: “Não quis correr riscos em Valência”

Piloto português espera continuar a progredir em Jerez

O piloto da Red Bull KTM Ajo despediu-se hoje dos testes oficiais de Valência com  o quarto melhor tempo, depois de três dias de trabalho, que na prática foram apenas dois, pois o mau tempo (frio+chuva) na passada terça-feira não permitiu rodar. No final o piloto luso mostrou satisfação com as sensações obtidas, pois em cada sessão realizada melhorou o seu desempenho.

“Este segundo dia foi positivo porque conseguimos completar mais voltas do que ontem. Mesmo assim, estava frio. O objetivo destes testes não é correr riscos para procurar a primeira posição, mas sim fazer o trabalho que planeámos antes de iniciar os ensaios. Hoje tentámos adaptar a moto às condições que encontrámos e conseguimos isso. Tivemos dois dias satisfatórios. Esperamos poder tirar mais proveito dos testes de Jerez do que nestes dias em Valência”, comentou Miguel Oliveira.

O vice-campeão do mundo de Moto2 em 2015 retomará a atividade em pista na próxima segunda-feira quando enfrentar o primeiro de três dias de testes oficiais no circuito de Jerez.