IMSA, Petit Le Mans: Albuquerque e Barbosa ganham a North American Endurance Cup

Ao cruzar as quatro horas de prova na segunda posição os dois portugueses garantiram o título

Não é o título principal da IMSA, mas a North American Endurance Cup era um objetivo para João Barbosa, Filipe Albuquerque e Christian Fittipaldi no Petit Le Mans. Para o conseguir a tripla do Cadillac DPi # 5 da Action Express Racing tinha de somar bastantes mais pontos que os rivais Ricky e Jordan Taylor. Com a abandono precoce dos pilotos do Cadillac DPi # 10 a tarefa dos dois portugueses e do brasileiro tornou-se um pouco mais fácil. O ‘forcing’ nos primeiros turnos de condução dos três pilotos foi nesse sentido, independentemente de depois a equipa ter descido à quarta posição e os dois Nissan Onroak DPi da ESM passarem para a frente da corrida.

Christian Fittipaldi reconheceu a magnitude do feito, já que é a quarta vez que a Action conquista a North American Endurance Cup: “Quatro vezes consecutivas. É um grande feito e surge como resultado de um enorme esforço por parte de toda a equipa, e também diz muito sobre toda a preparação que a Action Express realizou. Se o carro não terminar, não vamos ter os pontos e nunca estar nesta excelente posoção”. Ao mesmo tempo a Cadillac garantiu o título de marcas na mesma competição, com 48 pontos, contra 39 da Nissan. Em GT Le Mans, o Porsche # 911 de Dirk Werner e Patrick Pilet dobraram a sua pontuação na frente da classificação, mas Dirk Muller e Joey Hand, no Ford GT # 66 da Ganassi a apenas quatro pontos, sendo que os homens do Porsche terminaram as primeiras quatro horas em segundo contra o sexto da dupla da Ford, que passou para a frente da categoria na sexta hora de corrida.