Hyundai prevê vender 10 mil unidades Nexo até 2022

O objetivo espelha a dificuldade da tecnologia de pilhas de combustível a hidrogénio face a outras opções, sobretudo se comparados com os 70 mil Ioniqs vendidos, apenas em 2017.

A Hyundai prevê vender 10 mil unidades do Nexo, o seu novo SUV movido a hidrogénio, até 2022.

O objetivo espelha a dificuldade da tecnologia de pilhas de combustível a hidrogénio face a outras opções, sobretudo se comparados com os 70 mil Ioniqs vendidos, apenas em 2017. O problema maior com o hidrogénio são os postos de abastecimento.

Sucessor do atual iX35 Fuel Cell, o Nexo tem uma autonomia de 600 quilómetros por depósito, mais 200 quilómetros que o seu antecessor. As vendas começam já em março, na Coreia, estando prevista a chegadas à Europa e aos EUA até ao final do ano.

No seu email. Sem contraindicações.

De segunda a sábado, consulte os especialistas em Desporto, Atualidade, Entretenimento, Tecnologia, Lifestyle e Motores.