5 coisas que vão marcar o dia

Entra em vigor a nova diretiva dos mercados financeiros, que deverá dar maior proteção aos investidores. CTT, Impresa e Montepio estarão no centro das atenções.

Entra em vigor a nova diretiva dos mercados financeiros, que deverá dar maior proteção aos investidores. CTT, Impresa e Montepio estarão no centro das atenções.

Entra em vigor esta quarta-feira nova legislação que deverá trazer maior proteção aos investidores e mais transparência aos mercados financeiros. CTT e Santa Casa no capital do Montepio serão temas que vão estar no centro da agenda política.

CTT regressam ao centro da agenda política

Depois da notícia do ECO de que os CTT planeiam fechar 22 lojas no primeiro trimestre deste ano, os Correios voltam a estar no centro da agenda política esta quarta-feira. O Parlamento irá discutir um requerimento do PCP para audição do ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, sobre as medidas anunciadas pela administração da empresa. Na bolsa, o ano começou verde para a companhia, tendo valorizado 3,68% para 3,636 euros. Será que continua assim?

Impresa: Mercado reage à venda das revistas

Esta terça-feira, a dona da SIC anunciou a venda de 12 revistas a uma empresa detida a 100% pelo empresário Luís Delgado. Entre os títulos estão a Caras e a Visão — de imprensa escrita, o grupo só fica com o Expresso. A operação encontra-se avaliada em 10,2 milhões de euros e, esta quarta-feira, será a primeira sessão em que os investidores negociarão já com esta informação acerca da Impresa IPR 2,27% .

Vieira da Silva chamado ao Parlamento?

O tema da entrada da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa no capital do Montepio continua a estar na ordem do dia. Que o digam os deputados da Comissão de Trabalho e Segurança Social: esta quarta-feira, um dos pontos da ordem de trabalhos é a apreciação de um requerimento do CDS para chamar ao Parlamento o ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, e o novo provedor da instituição, Edmundo Martinho. As reuniões são pedidas com “caráter de urgência”.

ACT fala sobre transmissão de trabalhadores

Pedro Pimenta Braz, inspetor-geral da Autoridade para as Condições do Trabalho, vai estar esta quarta-feira no Parlamento para ser ouvido no âmbito dos projetos de lei sobre a alteração do regime jurídico da transmissão de empresa ou estabelecimento. O tema tem sido uma das bandeiras do PCP no que toca à luta dos trabalhadores de empresas como a PT, que foi acusada pelos sindicados de um “despedimento encapotado” por transferir funcionários para outras empresas do grupo Altice ou parceiras.

Investidores mais protegidos a partir de hoje

A Diretiva dos Mercados de Instrumentos Financeiros II, apelidada de DMIF II, entra em vigor esta quarta-feira, uma nova legislação que visa proteger os investidores dos mercados financeiros e vem também impor regras mais apertadas aos gestores e mais transparência. Entre as novidades está a imposição e preservação de registos de conversas entre gestores dos intermediários financeiros e os clientes na negociação de produtos financeiros.

De segunda a sábado,

consulte os especialistas em Desporto, Atualidade, Entretenimento, Tecnologia, Lifestyle e Motores.